Qual_a_diferenca_-01.jpg

Energia solar térmica e energia solar fotovoltaica: qual a diferença? 

O mundo depende de energia para girar. E isso não é nenhum exagero, afinal em quase todas as nossas tarefas – das mais simples às complexas – dependemos de energia. Seja a energia elétrica para fornecer luz, o gás de cozinha para fornecer o calor no preparo dos alimentos, e até mesmo a lenha, que ainda hoje é muita utilizada. 

Mas a discussão sobre os modelos de fontes energéticas, todas elas provenientes da natureza, tem se acentuado nos últimos anos. E a busca por modelos mais sustentáveis nos conduz para fontes naturais como o vento e o sol. Este último se mostra o melhor modelo na produção de energia solar térmica e energia solar fotovoltaica. Mas você sabe a diferença entre elas?

Maycon Pereira, diretor da Sonergy Brasil, explica que ambas utilizam o calor do sol e que a diferença está nas tecnologias empregadas. “A energia térmica se baseia na condução do calor e serve para aquecer algum elemento, como água e gás. Neste sistema, o calor é captado por meio de painéis coletores instalados nos telhados e conta com um reservatório com isolamento térmico, e canos de cobre para que ocorra o aquecimento. Esse sistema também é conhecido como Aquecimento Solar”. 

Já a energia solar fotovoltaica gera energia por meio da conversão da radiação solar emitida pelo sol em energia elétrica. Dessa maneira, pode ser aplicada em residências, empresas e no meio rural. Sendo capaz de colocar em funcionamento qualquer equipamento elétrico, não só o chuveiro. “Essa tecnologia é a que mais cresce no mundo e é com ela que trabalhamos na Sonergy Brasil”, enfatiza Maycon Pereira, acrescentando que um painel fotovoltaico possui diversas células e cada uma delas é composta por duas camadas de silício. A mais fina é carregada negativamente e, ao ser atingida pela radiação solar, transfere seus elétrons para a camada mais grossa, gerando energia elétrica. “Por conta disso o frio do inverno pouco interfere na geração de energia e o impacto da temperatura não é tão agressivo quanto o impacto da diminuição da incidência de radiação solar. Afinal, no inverno a radiação continua sendo emitida, mesmo que em menor proporção. É por isso que a produção de energia acontece mesmo no inverno e em dias nublados”, esclarece. 
 

Avenida Doutor Luiz Teixeira Mendes, 3105
Zona 05, Maringá - PR | 87015-001

Telefone:
+55 44 3224-8160
+55 44 9 9115-4400

E-mail:
contato@sonergybrasil.com.br

Avenida Doutor Luiz Teixeira Mendes, 3105
Zona 05, Maringá - PR | 87015-001

Telefone:
+55 44 3224-8160
+55 44 9 9115-4400

E-mail:
contato@sonergybrasil.com.br